Cuca renuncia: Marcos Lima volta a presidir a ABVAQ 

A partir de hoje, 14 de novembro de 2018, a ABVAQ (Associação Brasileira de Vaquejada) volta a ter como presidente o criador, vaqueiro e empresário Marcos Lima, o Marquinhos da Integral.

Foi publicada uma carta de renúncia do então presidente da   ABVAQ, no site oficial da instituição. Paulo Fernando Filho, o Cuca, entregou o cargo para o seu vice, Marcos Lima.

Na carta, Cuca destaca o trabalho realizado à frente da Associação, destacando todos os avanços da vaquejada nos últimos anos, em que esteve a frente da Associação, desde 2015. Entre essas conquistas, a Emenda Constituicional 96/17, e a aprovação do Regulamento Nacional pelo Ministério da Agricultura. Ele ainda ressalta as lutas que ainda existem na área jurídica, em relação a defesa da vaquejada em Brasília. 

Para Cuca, nesse momento, questōes profissionais o impedem de seguir adiante. E afirma que a ABVAQ precisa de um presidente que tenha condições de manter a mesma “pegada” de sua gestão.   Assumindo agora o então vice, Marcos Lima, a quem Cuca ressalta que é uma pessoa em quem ele sempre confiou. E pede o apoio de todos para que o propósito da Abvaq seja realizado. Ele ainda agradece a "esteira" de seus fieis companheiros de jornada: citando Jonatas Dantas, Marcos Lima e Leonardo Dias. No ícone abaixo você pode ler a carta de renuncia na íntegra.

Nossa equipe entende o posicionamento de Cuca, e agradece todo esforço e compromisso, que sempre teve em manter viva a nossa vaquejada, junto com toda equipe que hoje forma a Associação. 

 

Seguimos à disposição do nosso Presidente Marcos Lima, em quem confiamos muito, por  também conhecermos toda sua dedicação e trabalhos prestados a Associação, sempre buscando melhores dias pra nossa vaquejada. E assim como Cuca, pedimos a união de todos junto à Associação que verdadeiramente representa e defende a Vaquejada Brasileira.